Uma baleia e dois golfinhos são encontrados mortos no Litoral Norte

Uma baleia e dois golfinhos foram encontrados mortos no Litoral Norte nos últimos dias. O primeiro caso ocorreu no sábado (17), quando a equipe do Instituto Argonauta encontrou uma baleia-jubarte, encalhada na praia do Félix, em Ubatuba. O animal era um macho com
cerca de 13 metros de comprimento.

Na última quinta-feira (15) e no domingo (18), houve dois casos de golfinhos mortos na praia Martim de Sá, em Caraguatatuba. Neles, os técnicos do Argonauta identificaram marcas de ferimentos causados por redes de pesca. Após análise de exames foi comprovado o diagnóstico.

Os golfinhos foram mortos por redes de pesca em Caraguatatuba (Fotos: Instituto Argonauta/ Divulgação)

Enterro da baleia

O processo de enterro da baleia-jubarte foi finalizado após três dias de trabalho entre realização de necropsia, aguardo das condições da maré, chegada do maquinário da prefeitura de Ubatuba e colaboração da população para que o trabalho pudesse ser concluído.

A equipe amarrou e prendeu a carcaça para evitar o descolamento e que ela encalhasse em outro local dificultando o acesso da retroescavadeira, mas infelizmente a corda que a prendia foi cortada, o que prejudicou todo o procedimento. “Com certeza se a corda não tivesse sido cortada, teríamos finalizado o trabalho em menos tempo, mas felizmente deu tudo certo”, comentou o biólogo Danilo Camba, gerente de operações do Instituto Argonauta.

A baleia encalhou em uma zona entremarés, o que dificultou todo o trabalho, devido ao
tamanho do animal. Foram necessários três tratores para removê-la e enterrá-la. Com o maquinário adequado, foi possível transportar a carcaça até a parte seca e cavar o buraco no limite da vegetação da praia para que ela fosse enterrada.

De acordo com os pesquisadores, uma baleia encalhada morta na praia pode trazer riscos à saúde pública, por isso existe uma preocupação em realizar todo o procedimento no menor tempo possível, mas a solução nem sempre consegue ser tão imediata assim.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.