Cães em situação de maus tratos rendem R$ 18 mil em multa aos donos

Uma cadela teve a pata quebrada por seu tutor dependente químico

0
102
maus tratos
Cães em situação de maus tratos foram retirados dos donos (Fotos: PM/ Divulgação)

Dois crimes de maus tratos a animais renderam multa no valor total de R$ 18 mil aos seus donos, no Litoral Norte, nesta semana. Cinco cães, a mãe e seus quatro filhotes, foram encontrados passando fome, em Caraguatatuba, e uma cadela teve a pata quebrada por seu tutor dependente químico, em Ubatuba.

- Publicidade -

Cães sem água e sem alimento

Após denúncias, a Polícia Ambiental localizou uma cadela e seus quatro filhotes desnutridos, sem água e sem alimentação, em um local sujo de fezes, nesta quarta-feira (21), em um casa no bairro Sumaré, região central de Caraguatatuba. O crime de maus tratos foi confirmado pelo veterinário do  Centro de Controle de Zoonoses e pela perícia da Polícia Civil.

cães maus tratos

A proprietária dos animais informou não ter condições financeiras de cuidar dos cachorrinhos. Ela foi levada à delegacia e foi elaborado o boletim de ocorrência de maus tratos à animais, além da multa aplicada de R$ 15 mil e deve responder pelo crime em liberdade.

Os filhotes foram recolhidos por uma ONG e a mãe ficou sob os cuidados da proprietária que se comprometeu a cuidar. O veterinário da zoonoses deve retornar ao local para verificar suas condições periodicamente.

Tutela e cuidados

Os filhotes retirados da casa estão sob a tutela e cuidados de Elisa Pellegrini, da SOS Pet Caraguá, uma rede de voluntariado que socorre animais em situações de abandono e maus tratos.

A protetora informou que os filhotes foram internados, passaram por exames, receberam remédios para verminose e estão em tratamento de ganho de peso. “O caso deles é bem sério de desnutrição, estão anêmicos por falta de comida”, lamenta a protetora.

Como os custos do tratamento dos cinco filhotes será alto, a SOS Pet aceita doações através de sua página no facebook.

Cadela tem pata quebrada por dono dependente químico

Em Ubatuba, uma cadela sem raça definida teve a pata quebrada por seu dono, dependente químico, no bairro Casanga. A Polícia Ambiental foi acionada para atendimento de ocorrência de maus tratos, no início da semana.

A equipe foi recepcionada pela mãe do agressor e já puderam ver o animal com a lesão aparente. Questionado, o proprietário da cadela afirmou que estava cozinhando quando a surpreendeu pegando um pedaço de carne. Ele ficou com raiva e se descontrolou, arremessando um pedaço de madeira em direção ao animal. A equipe policial foi acompanhada de uma veterinária que constatou que a pata estava quebrada.

cães vítimas de maus tratos

A mãe afirmou que o filho realmente agredia o animal e que ela também sofria constantes ameaças e agressões por parte dele.

As partes foram conduzidas ao Distrito Policial, onde foi feito o boletim de ocorrência de maus tratos, violência doméstica e ameaça. O homem recebeu uma multa no valor de R$ 3 mil. Ele foi liberado para responder em liberdade.

A cadela foi operada, está estável e se recupera bem. Quando houver a alta médica, irá para um lar temporário, segundo informado pela PM.

Maus tratos

Denúncias de maus tratos a animais podem ser feitas pelo telefone (12) 3886-2200 ou pelo 190.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui