Policial acusa mulheres de furtarem arma dentro de motel em Caraguatatuba

Ele estava acompanhado de pré-candidata a vereadora de São Sebastião e mais duas amigas

0
5716
Policial
Policial estava no motel Stylus com três mulheres (Fotos: Flávio Leal)

Um policial militar q’ue estava de folga teve sua arma furtada no Motel Stylus, em Caraguatatuba. Ele estava acompanhado de três mulheres e as acusa de ter levado a pistola Taurus .40, após uma discussão. A arma, com 15 munições e um carregador, foi localizada horas depois pelo marido de uma delas, pré-candidata a vereadora em São Sebastião, em frente à casa do casal, no bairro Enseada, costa norte.

- Publicidade -

Policial

Segundo o Boletim de Ocorrência, o PM, identificado como A.M.R. estava no quarto quando começou a briga com F.F.I. e em algum momento, percebeu que P.L.P.R., teria fugido do local e, então, deu falta do armamento.

Ele solicitou apoio da Polícia Militar e se dirigiu de viatura para a casa de P.L.P.R., em Caraguatatuba. Nada foi encontrado no local.

O grupo foi encaminhado à delegacia para prestar esclarecimentos e, durante o registro do caso, o marido de F.F.I. ligou para ela e contou que encontrou a arma na porta da residência deles, por volta das 7h, quando chegou do trabalho.

O próprio policial militar que fez as acusações se dirigiu à casa do casal para recolher a pistola com o marido de F.F.I. As três mulheres também foram liberadas.

Policial e pré-candidata

Segundo informações obtidas por uma fonte do jornal Nova Imprensa, que preferiu não se identificar, F.F.I. é pré-candidata a vereadora em São Sebastião. Ela era assessora comissionada na prefeitura e teria se desligado recentemente para concorrer às eleições de 2020.

Após a repercussão do caso, ela usou as redes sociais para dizer que estavam em uma festa e que a denúncia não condizia com  verdade. Disse também que a oposição estaria envolvida nesta situação.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui