Caraguatatuba tem operação especial para fluidez do tráfego na chegada da temporada de verão

A expectativa é que mais de 500 mil pessoas passem o chamado período mais crítico - de 26 de dezembro de 2019 a 6 de janeiro de 2020 - na cidade.

0
4989

Com a proximidade das festas de fim de ano e o aumento de fluxo de turistas em direção ao Litoral Norte, a Prefeitura de Caraguatatuba, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana e Proteção ao Cidadão, vai realizar algumas intervenções no trânsito com objetivo de amenizar eventuais problemas na chegada dos motoristas e tráfego pelas vias que cortam a cidade. ´

- Publicidade -

A expectativa é que mais de 500 mil pessoas passem o chamado período mais crítico – de 26 de dezembro de 2019 a 6 de janeiro de 2020 na cidade. Fora os turistas e veranistas que seguem em direção a outros destinos. Para isso, 32 agentes vão trabalhar em horários especiais, das 7h à 2h, ou mais, se houver necessidade.

Caraguatatuba é a porta de entrada de quem vem pela Rodovia dos Tamoios (SP-99) e distribui o fluxo para os que ficam na cidade e os que seguem para Ubatuba, sentido norte, ou São Sebastião/Ilhabela, na região sul.

O principal gargalo está no entroncamento da Tamoios com a Rodovia Rio-Santos (SP-555), por isso, de acordo com Luiz Carlos de Castro Gonçalves, da Mobilidade Urbana, será com base no Volume Médio Diário (VMD) e Volume de Veículos por Hora (VHP) que as intervenções serão aplicadas.

Entre elas, a colocação de placas de alternativa para São Sebastião na Avenida Brasília com a Avenida Rio Branco, visando desafogar o trânsito no trevo de entrada.

“Caso esse volume seja muito alto, o retorno defronte ao Cemitério do Indaiá será fechado e o condutor deverá ir até o trevo do Poiares. Com isso, haverá um aumento de espaço para garantir maior fluidez ao trânsito”, explica Gonçalves.

Nessa situação, será mantido um operador no local que fará a operação de trânsito, bem como serão colocadas placas de orientação ao usuário da via por todo o trecho.

Pela Região Norte, será feita a liberação do acostamento nos horários de pico a partir do km 95 (trecho da serra do Jetuba) até o 88 (reta da  Cocanha 88).

A ação será feita em conjunto com operadores do Departamento de Estradas de Rodagens (DER) e Polícia Militar Rodoviária. Todo o trecho deve ser sinalizados com cones, placas e painéis informativos.

Para o retorno, as faixas liberadas serão sentido Centro e os agentes de trânsito vão atuar nos pontos mais críticos para evitar travamentos.

“Todo este esforço realizado pelos órgãos estaduais e do município tem o intuito de tentar amenizar esta problemática que enfrentamos todos os anos. Lembramos que o usuário também precisa fazer a sua parte, pois é sabido que nossa malha viária é pequena para suportar este montante de veículos”, diz o secretário da pasta, capitão Campos Junior.

Dentro de Caraguatatuba, no Centro, o esquema é o monitoramento dos agentes, com ênfase à fluidez, segurança e fiscalização.

A orientação da Secretaria é para que os motoristas evitem trafegar nos horários de pico, tenha paciência e calma e sejam conscientes no trânsito.

 

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui