Vereadores aprovam crédito de R$ 152 milhões para Caraguatatuba

Após brigas na Justiça, dinheiro deve ser liberado pela Caixa Econômica Federal para projetos nas áreas de educação, saúde, esportes, infraestrutura, saneamento básico, lazer e social

0
163
Votação do emprestimo levou a noite toda na Câmara Municipal (Foto: Cláudio Gomes/ PMC)

O projeto de lei que autoriza o empréstimo de R$ 152 milhões da Prefeitura de Caraguatatuba junto a Caixa Econômica Federal (CEF) foi aprovado pela maioria dos vereadores, na noite desta terça-eira (1°). A votação acabou por volta da meia noite e deiou o plenáio daCâmara Municipal lotado.

- Publicidade -

Foram 10 votos favoráveis: Aguinaldo Pereira da Silva Santos (Aguinaldo Butiá), Aurimar Mansano, Evandro do Nascimento (Vandinho), Valmir Tavares (Valmir do Olaria), Francisco Carlos Marcelino (Carlinhos da Farmácia), João Silva de Paula Ferreira (De Paula), Oswaldo Pimenta de Mello Neto (China), Renato Leite Carrijo de Aguilar (Tato Aguilar), Salete Maria de Souza Paes e Vilma Teixeira de Oliveira Santos.

A proposta do Executivo prevê que o financiamento obtido através da CEF deve abranger ações em todas as regiões no município nos segmentos da educação, saúde, esportes, infraestrutura, saneamento básico, lazer e social.

Após duas liminares que impediram a votação do financiamento na Câmara Municipal, a prefeitura conseguiu reverter o caso na Justiça. A um ano das eleições municipais, cinco dos 14 parlamentares da cidade foram contra o pedido de financiamento e o cancelamento da votação se deu por uma ação popular de ato lesivo ao patrimônio, proposta pelos vereadores de oposição Dennis da Silva Guerra, José Eduardo da Silva, Fernando Augusto da Silva Ferreira, Celso Pereira e Elizeu Onofre da Silva. A ação mira o presidente da Câmara Municipal, Francisco Carlos Marcelino (Carlinhos da farmácia) e o prefeito Aguilar Júnior.

Duas audiências públicas foram realizadas para debater o assunto. Na ocasião, servidores da prefeitura estiveram presentes para maiores esclarecimentos do projeto e para tirar as dúvidas de vereadores e da população presente, que puderam participar com perguntas e dar suas opiniões a respeito do tema.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui