Tamanduá fêmea é encontrada morta e filhote é resgatado em Caraguá

O bebê Tamanduá foi encaminhado à Fundação Animália, onde ficará em observação até poder voltar ao seu habitat natural

0
84
tamanduá-mirim
O filhote de Tamanduá-Mirim foi resgatado e será cuidado até poder voltar à natureza (Foto: PM/Divulgação)

Um filhote de Tamanduá-Mirim foi resgatado depois de sua mãe ser morta por um cachorro, em Caraguatatuba, na última sexta-feira (30). O bebê foi localizado por um morador da cidade que teria o encontrado nas proximidades de sua residência, ao lado de sua mãe, já morta.

- Publicidade -

O bebê foi entregue aos cuidados da Polícia Ambiental e encaminhado à Fundação Animália, em São Sebastião, onde ficará em observação até poder voltar ao seu habitat natural.

Tamanduá-Mirim

tamanduá-mirimOs tamanduás-mirins são animais predominantemente noturnos. Quando não estão ativos, descansam em ocos de árvores, tocas de tatus ou em outras cavidades naturais. Eles podem chegar a pesar sete quilos e medir até 70 cm.

A alimentação do tamanduá mirim é constituída geralmente de cupins e formigas encontrados no chão ou nas árvores.

Infelizmente, segundo a Ambiental, são constantemente vítimas de atropelamento, caça e até mesmo alvo de ataques de cães domésticos, por serem facilmente vistos em centros urbanos.

A espécie é ameaçada de extinção por, além de sofrer com a ação do homem, ter um período de gestação considerado longo, podendo durar até cinco meses, sendo, geralmente, apenas um filhote por ninhada.

Entrega Voluntária

Pessoas que criam animais nativos da fauna silvestre, sem autorização do órgão ambiental competente, podem realizar a entrega voluntária e não serão punidas pelo crime, é o que garante a Polícia Ambiental.

Caso optem por não realizar a entrega voluntária, e forem fiscalizadas, poderão ser multadas e responder criminal e administrativamente.

O valor das multas varia entre R$ 500, para espécies não ameaçadas de extinção e R$ 5 mil por animal com ameaça de extinção. Se o animal for vítima de maus tratos, estes valores são aumentados.

Caso algum animal seja encontrado, o comunicado pode ser feito pelo telefone 190, ou pelo (12) 3886-2200 da Polícia Militar Ambiental.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui