Carro pega fogo após bater em outro veículo em perseguição policial

Duas pessoas foram presas e um menos apreendido na ação

0
205
As chamas foram apagadas pelo Corpo de Bombeiros
As chamas foram apagadas pelo Corpo de Bombeiros (Imagem: Polícia Ambiental)

Duas pessoas foram presas e um menor de 16 anos foi apreendido na manhã desta segunda-feira (28), no bairro Canto do Mar, região norte de São Sebastião, após uma ocorrência envolvendo fuga, perseguição policial, batida de carro e incêndio.

- Publicidade -

Segundo a Polícia Ambiental, uma equipe fazia patrulhamento preventivo de transporte de madeiras pelo bairro Travessão, na região sul de Caraguatatuba, quando desconfiou da atitude dos ocupantes de um veículo Gol e sinalizou que parassem. O motorista decidiu fugir.

Houve perseguição por cerca de cinco quilômetros, até o bairro Canto do Mar, na entrada de São Sebastião, onde o carro bateu em outro veículo e depois em um poste.

Caminhão carregado de madeira quase foi atingido pelas chamas
Caminhão carregado de madeira quase foi atingido pelas chamas (Foto: Polícia Ambiental)

Ainda conforme a Ambiental, o grupo tentou dispensar seis invólucros de maconha e quatro papelotes de cocaína.

Neste momento, o carro dos suspeitos, que estava parado bem perto de um caminhão carregado de madeira, começou a pegar fogo. Segundo a PM, a preocupação da equipe era que as chamas atingissem o carregamento, mas com apoio de outros policiais foi possível afastar o veículo em chamas para um local mais seguro.

O fogo foi contido com a chegada do Corpo de Bombeiros. O motorista do carro envolvido na batida não teve ferimentos.

Depois de colidir em poste, carro pegou fogo
Depois de colidir em outro veículo, carro pegou fogo (Foto: Polícia Ambiental)

Com as chamas sob controle, os policiais identificaram os suspeitos. Um era menor de idade, com 16 anos, o motorista, de 23 anos, que não tinha habilitação e um terceiro que era dono do carro e já havia sido preso anteriormente por receptação (Artigo 180) e roubo (Artigo 157), mas não era procurado da Justiça. O carro foi apreendido, já o documento estava com o licenciamento atrasado.

Os três foram levados para a Delegacia para registro da ocorrência. O menor foi liberado para a mãe e os outros dois vão responder em liberdade pelos crimes.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui