Ilhabela anuncia novo decreto para abertura de parte do comércio

Obras públicas e privadas voltam a funcionar, bem como cabeleireiros, oficinas mecânicas e outros

0
770
Flexibiliação em Ilhabela vai contra normas estaduais (Foto: Divulgação)

Na contramão das orientações do Estado de São Paulo no combate a pandeia mundial do novo coronavírus (Covid-19), a prefeitura de Ilhabela emitiu um novo decreto, na noite de quarta-feira (8), para flexibilizar a abertura dos comércios na cidade.

- Publicidade -

A prefeita Maria das Graças Ferreira, a Gracinha, fez o anúncio pelas redes sociais, mas pediu que a população continue em casa. O uso de máscaras para sair na rua também entrou nas novas orientações. “Esse novo drecreto vai abrandar a situação do nosso comérco local, mas peço a vocês que continuem ouvindo a seretaria da Saúde e fazendo sua parte, só saindo se for realmente necessário e quando sair, usem as máscaras”, disse a prefeita.

Ficam liberadas a partir de agora todas as obras públicas e privadas em andamento. Salões de beleza e estética, oficinas mecânicas e borracharias podem atender um cliente por vez por agendamento. Peixarias e quitandas podem voltar a abrir normalmente.

Pelo novo decreto lojas de material de construção, tintas, madeireiras e tecidos voltam a funcionar por delivery, clínicas, consultórios médicos e afins podem atender urgências, lojas de produtos veterinários, de ração e de banho e tosa podem funcionar por agendamento e delivery, lojas de celulares, eletrodomésticos e demais eletrônicos podem atender por agendamento.

No setor turístico, hotéis, pousadas e hospedagens podem aguardar o fim da de reservas em curso, mas após o término dessas, passam a funcionar apenas com número reduzidos de funcionários, no sistema de rodízio, para manutenção das instalações. Marinas ficam autorizadas a realizar a manutenção das embarcações com um número reduzido de funcionários.

Cultos, missas e procissões continuam proibidos.

A cidade tem um paciente confirmado com a nova doença e 20 casos suspeitos em investigação, sendo 11 profissionais da saúde entre eles. No Estado de São Paulo são quase 500 mortes e 7,4 mil casos confirmados.

Balsa

Para o feriado de Páscoa, que começa nesta sexta-feira (10), Ilhabela manteve a restrição do sistema de travessia de balsas, que segue até o dia 23 de abril. A Prefeitura de Ilhabela informou que dará atenção especial ao controle de acesso à travessia nesse feriado prolongado.

Desde o dia 21 de março, é necessário solicitar a autorização de entrada no município, pelo site travessia.ilhabela.sp.gov.br. De acordo com decreto municipal, pessoas que não residam na cidade ou não realizem serviços essenciais, como saúde, segurança, ente outros, estão proibidos de entrar na cidade.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui