Ações da Defesa Civil de Caraguatatuba são apresentadas na Alemanha

A ida da comitiva serve para troca de experiência entre as cidades

0
145
Campos Junior apresenta material da região para participantes de workshop (Foto: Divulgação)

O vice-prefeito e secretário de Mobilidade Urbana e Proteção ao Cidadão de Caraguatatuba, Capitão Campos Junior, está em Bermerhaven, na Alemanha, onde apresenta ações desenvolvidas pela Defesa Civil e participa de uma troca de experiência com os profissionais daquele país.

- Publicidade -

Na quinta-feira (24), ele fez apresentação de um estudo sobre o quadro de um possível apagão elétrico e quais medidas poderiam ser adotadas. “A ideia é que cada participante apresente um cenário e depois sejam feitos os estudos para delinear um tipo de plano de contingência para as comunidades de Caraguatatuba, de São José dos Campos e do governo estadual, levando em consideração as infraestruturas críticas das cidades e o impacto para a população”, explica Campos.

Ele também participou de workshop com Beate Colleen, do órgão responsável pela Defesa Civil da Alemanha, que abordou a importância da preparação para catástrofes e da realização de simulados. Ela foi responsável pela gestão de crise nas Copas do Mundo da Alemanha e da África do Sul e da delegação da Alemanha na Copa do Mundo no Brasil.

Outro encontro foi com Frieder Kircher, ex-comandante dos Bombeiros de Berlim. Por ele, foi mostrado o exemplo de pontos (locais) de reunião e encontro para emergência na capital alemã.

Com o prefeito de Bremerhaven, Melf Grantz, Campos Junior teve a oportunidade de entregar lembranças de Caraguatatuba como revista, artesanato e um azulejo feito especialmente para a ocasião.

A comitiva brasileira conta também com o coordenador municipal de Defesa Civil de São José dos Campos, Paulo Henrique Zacarone; o secretário-chefe da Casa Militar e coordenador estadual de Proteção e Defesa Civil, coronel Walter Nyakas Júnior; mais três bombeiros, sendo um o coordenador regional da Defesa Civil, capitão Bernardes, um da Escola de Bombeiros, capitão Baruffaldi, e um da Casa Militar, capitão Smario, além de uma tradutora Priscila Orsi.

Troca de experiência

A ida da comitiva ocorre um ano após a visita de coronéis do Corpo de Bombeiros da Alemanha a Caraguatatuba. O intercâmbio foi feito a convite da Fundação Engagement Global, que atua financiando projetos. “Eles trouxeram os bombeiros no ano passado e agora estão nos levando, sem qualquer ônus para o município”, explica Campos Júnior.

“A vinda da comitiva no ano passado foi até em função do que Caraguatatuba já vivenciou, com a Catástrofe de 1967 e a resiliência de seu povo e foi um passo importante para a criação da Defesa Civil no país. O brasileiro e o caiçara, em especial, é muito solidário e nossa cidade precisa desenvolver essa cultura de voluntariado e despertar nas pessoas esse sentido de envolvimento e participação organizada”, conta o secretário.

A comitiva brasileira participa de ações até o dia 30 de outubro no Quartel do Corpo de Bombeiros de Bremerhaven. Haverá visitas a várias instalações que se referem a esse tema, bem como palestras e debates com vários atores do sistema de contingência desse tipo de risco tecnológico daquela região da Alemanha.

“A ideia é discutir as melhores práticas para agir em questões de segurança, abastecimento de água, esgoto, hospitais, abastecimento de alimentos, remoção e abrigo, enfim, todos os vários segmentos e sistemas da sociedade”.

 

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui