Litoral Norte adere aos protestos contra cortes na educação

Aproximadamente 100 manifestantes promoveram diversas atividades ao longo desta terça-feira (13)

0
189
Protesto reuniu trabalhadores, estudantes e sindicatos (Fotos: Sindserv/ Divulgação)

Aproximadamente 100 manifestantes se reuniram em Caraguatatuba ao longo desta terça-feira (13) em favor da greve geral nacional contra o corte de verbas na educação pública.

- Publicidade -

Servidores públicos municipais, professores, estudantes se reuniram em frente ao portão da Unidade de Tratamento de Gás Monteiro Lobato (UTGCA) e desesenvolveram uma série de atividades, como rodas de conversa, cinema, panfletagem e passeata no Instituto Federal de São Paulo (IFSP).

Um ato público saiu da frente do instituto às 16h e caminhou pelas principais ruas do centro da cidade, voltando novamente para o IFSP, para assistirem no auditório o filme “Democracia em Vertigem”.

Segundo o Sindicato dos Servidores Públicos de São Sebastião (Sindserv), além da luta contra os cortes da educação, a ação é contra a Reforma da Previdência, as privatizações e as terceirizações do setor público.

Já a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) alerta que “a proposta de Reforma da Previdência comprometerá a segurança social do país, remeterá milhares de pessoas à indigência, uma vez que se pretende reduzir e dificultar o acesso a direitos previdenciários, afetando, ainda, a economia de pequenos e médios municípios brasileiros que se sustentam da renda gerada pelos benefícios previdenciários e assistenciais”.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui