Professor voluntário de Caraguá é campeão brasileiro de jiu-jitsu

O atleta de 30 anos ministra aulas gratuitas para aproximadamente 80 jovens e crianças

0
1551
O campeonato brasileiro ocorreu no ginásio do Ibirapuera (Fotos: CBJJE/ Divulgação)

O professor voluntário de Caraguatatuba, Gabriel Boletta, de 30 anos, consagrou-se campeão brasileiro de jiu-jitsu, na cidade de São Paulo. O atleta trabalha no projeto social Caminho da Esperança há quatro anos, onde ministra aulas gratuitas do esporte para aproximadamente 80 jovens e crianças carentes da cidade.

- Publicidade -

A vitória aconteceu no último fim de semana, no campeonato brasileiro realizado pela Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu Esportivo (CBJJE), que aconteceu no Ginásio do Ibirapuera, na capital paulista. Agora, o esportista vai representar o país no campeonato mundial de jiu-jitsu que acontecerá de 23 a 27 de julho de 2019.

Gabriel treina jiu-jitsu há oito anos e é faixa marrom. Ele também levou para o evento 15 alunos do projeto onde ministra aulas. “O evento é para todas as graduações de faixa, inclusive branca; crianças e adultos; separados por categoria, idade, peso e graduação”, explicou.

Caminho da Esperança

O projeto social tem o esporte como base para resgate social, com objetivo de tirar a criança e o adolescente da rua, do risco de se envolver com drogas ou com o crime, oferecendo gratuitamente aulas de diversas modalidades. Capoeira, jiu-jitsu adulto e infantil, judô, hapkidô, slackline, surf, futebol, karatê, skate, vela, windsurf e stand up paddle são algumas das opções.

A sede da entidade fica na Avenida Arthur Costa Filho, 205, no Indaiá. O contato pode ser feito pelo celular (12) 99761-6066 ou pelo Whatsapp (12) 98108-8692.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui