Três são presos por morte de bartender em briga no Pub Ilhabela

Três homens foram presos acusados da morte de um bartender, funcionário do hotel DPNY, durante uma briga no Pub Ilhabela, na Vila, no último sábado (15). Segundo testemunhas, a vítima, de 30 anos, foi agredida e jogada de uma escada dentro do bar após uma confusão por causa de ciúmes.

O delegado titular de Ilhabela, José Vinciprova, conta que a vítima, o baiano José Rodrigues Conceição de Jesus, teria tentado beijar uma moça casada no lounge do bar. O marido teria visto e “foi para cima”. Ele começou a agressão e foi retirado pelos seguranças, mas seus amigos teriam continuado a bater nele.

Segundo apurado pela polícia, ele teria caído durante uma confusão generalizada, quando os amigos do marido entraram na briga e enquanto os seguranças o retiravam do bar. No chão, a vítima teria sido agredida aos chutes na cabeça e genital pelos suspeitos identificados e detidos. Levado ao hospital o bartender não resistiu aos ferimentos e morreu.

A Polícia Civil pediu a prisão temporária dos envolvidos para que possa ser dado andamento nas investigações, saber a participação de cada um e localizar mais possíveis testemunhas. Os três acusados foram levados para Delegacia de Caraguatatuba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.