Vereador de Caraguatatuba é preso em operação contra tráfico de drogas

Operação Código de Ética investiga o envolvimento de advogados com o tráfico no litoral e interior paulista

2
854
Vereador
Operação foi deflagrada nesta manhã (Foto: João Mota/ Vanguarda)

O vereador de Caraguatatuba, Flávio Rodrigues Nishiama Filho (PTB) foi preso em sua casa, no bairro do Indaiá, na manhã desta terça-feira (11). O advogado é acusado de envolvimento com o tráfico de drogas, segundo investigações da operação Código de Ética, deflagrada pelas policias Federal, Civil e Militar em conjunto com o Ministério Público.

- Publicidade -

A operação foi batizada como ‘Código de Ética, pois investiga uma série de advogados, que trabalhariam para traficantes no litoral e interior paulista. A denúncia do MP foi feita à Justiça no último dia 31 de julho.

vereador
Vereador foi preso em casa (Foto: Facebook)

Segundo o delegado da Polícia Federal, Gilberto Moura de Castro Junior, o vereador usava de sua profissão como advogado para entrar em contato com distribuidores de drogas que eram presos na região e realizar acordos para que não entregassem os líderes da quadrilha.

Ele seria responsável ainda por fazer as minutas e contratos de locação de casas onde funcionavam os pontos de armazenamento de drogas no Litoral Norte. Por isso, ele foi considerado como membro da quadrilha e preso preventivamente.

 A Câmara Municipal de Caraguatatuba está em contato com o setor jurídico para avaliar as medidas legais cabíveis em relação ao caso e informou que vai conribuir com as investigações.

Foram cumpridos 48 mandados de prisão em Caraguatatuba, São Sebastião, Ubatuba, Taubaté e Campinas. Além de 64 mandados de busca e apreensão. A força-tarefa foi composta por 250 agentes, quatro cães farejadores e um helicóptero.

Até as 10h30, foram presos 26 pessoas, sendo duas por tráfico de drogas, uma por posse ilegal de arma de fogo e mais 23 por outros tipos de envolvimento com o tráfico. Também foram apreendidas cinco armas de fogo, um carregador e munições de 9m, 20 mil pesos colombianos e R$ 16,7 mil.

Nishiama foi eleito vereador em 2016 com 1.112 votos e cumpria seu primeiro mandato como parlamentar no município.

2 COMENTÁRIOS

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui