Bombeiros de São Sebastião recebem título por salvar marinheiros em explosão

Título Policial Nota 10 foi entregue pelo governador de São Paulo, João Dória

0
190
O caso aconteceu no dia 5 de janeiro (Foto: PM/ Divulgação)

Uma equipe do Grupamento de Bombeiros Marítimo de São Sebastião (Gbmar) recebeu o título de Policial Nota 10 após salvarem três tripulantes de uma embarcação da Marinha do Brasil que pegou fogo e naufragou, no dia 5 de janeiro, no Canal de São Sebastião.

- Publicidade -

O bote Anchieta saiu do píer do Porto de São Sebastião, navegou por aproximadamente 200 metros e houve uma explosão no tanque de combustível. O incêndio atingiu totalmente a embarcação, que foi à deriva, próximo a rota da balsa.

A equipe responsável pelo resgate é formada pelo sargento Irimar Castilho e os cabos Edwald Peixoto, José Roberto Soares de Carvalho e Eduardo Aparecido dos Santos.
Eles realizaram a operação com a embarcação Comandante Barreto. “Eles estavam conscientes e orientados, apenas com escoriações. Duas vítimas foram conduzidas pelas unidades do Samu, uma não apresentou nenhum ferimento grave e foi levada pela viatura da Marinha do Brasil”.

A lancha do Gbmar retornou para fazer a extinção do fogo e segurança do tráfego aquaviário, conduzindo a embarcação para um local seguro por meio de reboque e aguardando que afundasse para garantir a segurança das embarcações nas proximidades, além de evitar que fosse levada pela correnteza até as instalações da Transpetro, o que poderia causar maiores riscos.

O Governador João Dória e o Secretário da Segurança Pública, General João Camilo Pires de Campos, homenagearam nesta segunda-feira (17), ao todo, 16 policiais militares, 11 civis e dois técnico-científicos da Capital, Grande São Paulo e das regiões de São José dos Campos, Santos, Piracicaba e Araçatuba com o certificado Policial Nota 10.

“Durante quatro anos de governo, todos os meses nós estaremos aqui homenageando a melhor polícia do Brasil, que é a polícia de São Paulo. Polícia Militar, Civil, Técnico-Científica e Corpo de Bombeiros. Não é uma conquista deste governo, é uma conquista histórica destas corporações”, afirmou Dória.

Em sua 13ª edição, a iniciativa ocorre mensalmente e visa reconhecer e estimular o bom trabalho policial em todo o estado de São Paulo. A solenidade foi realizada no Palácio dos Bandeirantes.

Os policiais homenageados atuaram em salvamentos de crianças e adultos, prisões por tráfico de drogas e roubo, recuperação de bens e esclarecimentos de homicídios. Dois peritos também foram reconhecidos pela identificação de um corpo encontrado carbonizado no interior.

Polícia Militar

Um dos homenageados é o soldado Jean da Silva. No último dia 14, ele impediu um roubo a ônibus em Guarulhos, na Via Dutra. Ele estava de folga e anunciou ser policial militar quando quatro homens armados invadiram o veículo e anunciaram um assalto. Silva trabalha no Presídio Militar Romão Gomes, na capital.

O cabo Fábio Anselmo de Souza e os soldados Ademilson Castro de Almeida, Gabriel Galiani Siena, David Gutierre Alves do Vale, João Roger Miranda Pereira e Douglas Leme Pereira, integrantes do 3° BPM/M (Batalhão de Polícia Militar Metropolitano), na capital, receberam destaque pelas prisões de quatro acusados de roubo no dia 10 de janeiro. Na ocasião, 198 celulares foram recuperados e duas armas apreendidas. Dois automóveis usados pelo grupo também foram recolhidos.

O cabo Nilton Geia, do 17° BPM/M, sediado em Mogi das Cruzes, foi condecorado pelo salvamento de uma criança vítima de afogamento em piscina, no dia 9 de janeiro, em uma residência na cidade.

O cabo Felipe Ignácio Teixeira e o soldado Wender da Siva Oliveira integram o 36° BPM/I (Batalhão de Policia Militar do Interior), sediado em Limeira, e foram agraciados por conter uma hemorragia de uma vítima de acidente de trânsito até a chegada do socorro médico.

O cabo Luis Antonio Rodrigues da Costa e o soldado Diego Evangelista, do 2° BPM/I, sediado em Araçatuba, receberam o certificado por salvar um recém-nascido que estava engasgado. Eles atenderam pedido de socorro dos pais e fizeram procedimentos para desobstruir as vias aéreas do bebê.

Polícia Civil

A delegada Ana Cecília Delphim Moraes e o investigador Edgard Laporta Júnior, da 2ª Delegacia de Atendimento ao Turista – Aeroporto de São Paulo/Congonhas, foram reconhecidos pela prisão de uma mulher envolvida em roubos a taxistas.

O delegado Cid Rodrigues da Silva, o investigador José Gustavo Pereira da Silva Marques e o agente policial Nicolas Dias Del Piccolo, do 1° Distrito Policial de Guarulhos, foram homenageados por prenderem dois autores do homicídio de uma jovem de 21 anos, no centro da cidade.

O delegado Adriano Barbosa Ribeiro, o agente policial Nelson Galdino de Oliveira e o agente de telecomunicações Marcelo Yui, da Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) de Jacupiranga, foram agraciados pela Operação CDHU, que deteve mais de 20 pessoas no Vale do Ribeira por envolvimento com o tráfico de drogas.

O delegado Bruno de Azevedo Aragão e os investigadores Thiago Ebram Fiore e Henrique Zwibelberg Junior, todos do SIG (Setor de Investigações Gerais) de Ubatuba, receberam o certificado pelo esclarecimento da morte de um policial militar em janeiro.

Polícia Técnico-Científica

Os peritos Eduardo de Menezes Gomes e Flávio Veras Nunes de Oliveira, ambos do Núcleo de Odontologia Legal do Instituto Médico Legal, com sede na capital. Eles foram reconhecidos pela identificação de um corpo encontrado carbonizado em um carro, em uma estrada na cidade de São Roque.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui