Travessia São Sebastião/Ilhabela ganha segundo catamarã para pedestres

A entrega da embarcação será realizada por uma comitiva na quinta-feira (19)

0
282
Catamarã tem capacidade para 370 passageiros (Foto: PMI/ Divulgação)

O sistema de travessia de balsas entre Ilhabela e São Sebastião ganhou mais um reforço. Na boca da temporada, o segundo catamarã (LS5) para pedestres chega para integrar o sistema. O anúncio foi feito pela prefeita de Ilhabela, Maria das Graças Ferreira, a Gracinha, nesta sexta-feira (13).

- Publicidade -

A entrega será realizada por uma comitiva que inclui o secretário estadual de transportes, João Octaviano Machado Neto, na quinta-feira (19), às 11h.

A embarcação tem capacidade para 370 passageiros, incluindo 33 ciclistas e espaço para dois cadeirantes. A travessia deve durar entre 8 e 10 minutos. De acordo com a Dersa, a chegada do catamarã vai permitir a separação entre veículos e pedestres, gerando ganho de até 30% na capacidade de carros nas balsas.

Para a secretária de Desenvolvimento Econômico e do Turismo, Bianca Colepicolo, a chegada da embarcação contribuirá com as ações que serão tomadas para a temporada de verão. “A chegada de mais um catamarã é essencial para a população e para os turistas que visitam o arquipélago e agrega nas ações para o plano verão”, explicou.

De acordo com a prefeitura, as dificuldades na travessia são recorrentes e vem gerando impacto negativo no turismo de Ilhabela, sobretudo devido às condições das embarcações e lentidão em função das imensas filas de veículos que tornam demorado o tempo de espera e travessia. A operação das embarcações de pedestres contribuirá para o aumento da capacidade de operação das balsas (veículos/hora), que atualmente, além de veículos, também transportam pedestres.

Ações para o verão

Além da chegada do segundo catamarã, a prefeita assinou o decreto 7.789/2019 que proíbe a entrada e circulação de caminhões no arquipélago durante os finais de semana e feriados.  Desde que o decreto foi assinado, disciplinando a entrada de caminhões na cidade, contribuiu com a operação da travessia e, segundo a Dersa, ajudou na redução do tempo de espera da fila.

De acordo com a prefeita, mesmo com o resultado positivo, é necessário fazer o ajuste e por isso a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e do Turismo realizou reuniões com os espaços oficiais de eventos da cidade e entendeu as necessidades específicas desse setor.

A administração também planeja a inclusão de uma linha de ônibus que atenderá a população e os turistas da Vila até a Praia do Curral na ida e na volta da Praia do Curral a Vila. A linha terá 32 paradas estratégicas, sendo 16 delas em cada um dos sentidos.

Outra ação, que visa colaborar com a mobilidade do município na alta temporada é das agências de turismo, com o aluguel de bicicletas a preços acessíveis, que irão operar com cerca de 300 bicicletas entre a balsa, Perequê e Vila.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui