FOTO EM FOCO: Ensaio para a liberdade

0
15
A pequena sala frontal, à direita da entrada, no prédio da Secretaria da Cultura de Ilhabela, na vila, abrigou uma belíssima exposição que a Foto em Foco teve o prazer de registrar.

Ela começou bem já no próprio título: “ensaio para a liberdade”. Poético e sintetizando, o que é mais caro a toda boa arte – poder ser livre, sem amarras, sem âncoras. O espaço modesto brilhou com a obra de Jô, artista plástica da Ilha. Empregando vidro, um material complexo e ao mesmo tempo muito frágil, deu forma a um universo intrincado de figuras encantadas, de um colorido intenso. Figuras de sonho, algumas muito humanas como as da série das famílias. Outras, flutuavam no ar, translúcidas, se deixando penetrar pela paisagem da janela. Duas telas tendo como temas plantas partilhavam as paredes com os demais objetos artísticos e nos atestavam o talento da artista como pintora.

E como o que é bom dura pouco, muito pouco durou a “ensaio para a liberdade”; apenas uma semana.
Por Márcio Pannunzio

- Publicidade -

*Os direitos autorais das fotos da coluna Foto em Foco pertencem a Márcio Pannunzio. Desrespeitar o direito do autor é crime. Havendo interesse em usar qualquer fotografia da coluna para fins jornalísticos, institucionais, didáticos ou publicitários, entre em contato para negociar o devido licenciamento de uso de imagem: marciopann@gmail.com

  Conheça mais trabalhos de Márcio Pannunzio pelos sites: www.marciopan.art.brwww.marciopan.comwww.ilhabelaemfoco.com e www.retratararte.com. E aqui no Foto em Foco, toda semana uma diferente série fotográfica.

Matéria anteriorApós falta dos vereadores, orçamento de R$ 9 milhões é aprovado
Próxima matériaCircuito Estudantil de Surf prepara alunos para competições
Márcio Pannunzio
Márcio Pannunzio é artista plástico, trabalhando com desenho, gravura, pintura e fotografia. Fez trinta e sete individuais, cinco delas no exterior. Participou de mais de uma centena de certames internacionais de gravura e foi premiado na XYLON 12 – International Triennial Exhibition of Artistic Relief Printing ( Suíça ), na Biennale Internationale d’Estampe Contemporaine de Trois-Rivières ( Canadá ), na BIMPE V – The Fifth International Biennial Miniature Print Exhibition ( Canadá ), na 11ª Bienal de San Juan del Grabado Latinoamericano y del Caribe ( Porto Rico ), na 3rd International Biennial Racibórz 2000 Poland ( Polônia ), na The 3rd International Mini Print Cluj-Napoca ( Romênia ), no 3º Concurso Internacional de Mini Grabado “Ciudad de Ourense” ( Espanha ), na 5ª Bienal Nacional de Grabado en Relieve – 1ª Iberoamericana XYLON Argentina, na III Bienal Argentina de Gráfica Latinoamericana 2004, na 1st International Small Engraving Salon Inter-Grabado 2005 ( Uruguai ), na 2ª e na 3ª Muestra Internacional de Miniprint en Rosário ( Argentina ). No Brasil foi premiado em quarenta e cinco ocasiões, entre elas, no 10° Salão Paulista de Arte Contemporânea, no 3º Salão Victor Meirelles, no 50º Salão Paranaense, na 10ª Mostra da Gravura Cidade de Curitiba, na II Bienal da Gravura, no 2º Salão SESC de Gravura, na VIII e na VII Bienal do Recôncavo, na 4ª Bienal de Gravura de Santo André, na 3ª Bienal Nacional de Gravura Olho Latino. Foi bolsista da Fundação Vitae em 2002 e premiado nos Programas de Ação Cultural do governo do estado de São Paulo – ProAcs Edital de 2008, 2010 e 2011 e ProAc ICMS de 2013.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui