Trabalhadores seguem em greve por aumento salarial na Tamoios

0
13

Mais de mil operários cruzaram os braços nesta quarta-feira (4) e pedem 12% de reajuste para voltar ao trabalho

- Publicidade -
Greve na Tamoios começou nesta quarta (4) (Foto: Eduardo Saraiva/Divulgação)



Mais de mil trabalhadores cruzaram os braços por aumento de salários e ampliação de benefícios na obra do controno da rodovia Tamoios. Os operários pedem 12% de reajuste, além de vale alimentação e convênio médico. A Queiroz Galvão, empresa responsável pelo empreendimento, informou que está analisando a proposta apresentada.


A  paralisação começou nesta quarta-feira (4) e, segundo o sindicato da categoria não há previsão para retomada dos trabahos. Já a construtora diz que as tentativas de acordo começaram no início de maio, data-base para o acordo coletivo, e seguem conforme os prazos legais.


A obra e o pedágio


O projeto de ampliação do contorno foi cedido à Queiroz Galvão pelo governo do Estado em abril de 2015 por meio de uma Parceria Público Privada (PPP). Pelo acordo, a empresa deve entregar a duplicação das pistas no trecho de serra e túneis de acesso alternativos e em troca poderá cobrar pedágio dos veículos que trafegarem na rodovia dos Tamoios.


O início da cobrança da tarifa, de R$ 9,10, estava prevista para o mês de abril, mas a obra das cabines foram embargadas por irregularidades na iluminação do trecho. Em vistoria da Polícia Ambiental, foi verificado que houve desmatamento ilegal para colocação dos postes de luz e os trabalhos acabaram paralisados pela Fundação Florestal e pela Coordenadoria de Fiscalização Ambiental (CFA). A concessionária entrou com pedido de autorização para retomar a obra e aguarda retorno da licença.


A praça de pedágio está sendo contruída no trecho de ligação do Litoral Norte ao Vale do Paraíba, na altura do Km 16, próximo a cidade de Jambeiro, com valor previsto em R$ 3,30. Já no Km 59, na região de Paraibuna, a taxa deve ficar em R$ 5,80. Os preços foram calculados com base no ano de 2015, portanto ainda podem sofrer alterações.


A arrecadação diária do pedágio deve ficar em torno de R$ 200 mil, levando em consideração que aproximadamente 20 mil veículos trafegam pela rodovia por dia. Na alta temporada este número pode chegar 55 mil veículos.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui